sábado, 15 de maio de 2010

O Nerd nos dias de hoje



Fala pessoal, como vocês estão?

Desculpem, juro que queria ter trazido esse artigo mais cedo, mas essa semana foi complicado. Não tive tempo para nada, tanto meu DS quanto meu GameCube ficaram encostados a semana toda (digo só os dois pois são os que eu estou jogando agora, mas o Wii e o restante da patota tabém não viu a luz do dia).

De qualquer forma, cá estou com mais uma postagem. Como disse no post de estréia, o blog é para temas diversos, e este é bem diferente do tema do post anterior.

Bom, chega de enrolar, vamos direto ao assunto!

Parece que atualmente, a moda é ser nerd. Vemos pelas ruas milhares de pessoas vestindo camisetas relacionadas a games (eu mesmo tenho três), jogando portáteis, informática virou uma área profissional normal e não mais uma coisa que parecia acessível só para aquele magrelo de aparelho nos dentes, um óculos enorme na cara e sem amigos, enfim, parece que todos os preconceitos com os nerds chegaram ao fim e eles enfim são considerados pessoas normais.



Será que isso é verdade?

Não totalmente. Eu, como um nerd, posso afirmar com a maior certeza do mundo, de que o preconceito ainda existe, e os nerds são pessoas que ainda têm de aturar muito desaforo, provocações e esculachamento em todos os ambientes, mas principalmente o escolar.

Falo do ambiente escolar com mais propriedade por ainda estar cursando o terceiro ano do ensino médio, e sei bem como é ser visto como um nerd na escola. Claro que o próprio "jeito nerd de ser" mudou, e a maioria dos nerds atuais não ficam mais isolados no canto jogando ou lendo uma revista em quadrinhos do Batman.

...Tá, muitas vezes eu estou no canto jogando meu DS ou lendo uma revista em quadrinhos do Batman, mas eu tenho um grupo de amigos. Por sinal, faço parte do maior grupo de amigos da sala (não preciso explicar pra ninguém que uma sala de colegial é estruturada basicamente por grupinhos, né? Todos vocês já foram ou ainda são estudantes, pelo amor de Nayru!), e é isso que me diferencia daquele esteriótipo de nerd que todos têm na cabeça.

Quando falamos de nerds, todos pensam em uma dessas duas figuras (acompanhe comigo e me diga se estou mentindo):

Modelo Nerd número 1: Magrelo, muitas vezes baixinho, aparelho nos dentes, um óculos enorme fundo de garrafa, isolado, que passa todo o tempo jogando ou lendo.



Modelo Nerd número 2: Gordo, cabelo comprido preso em um rabinho de cavalo, barba por fazer, muitas vezes de óculos, isolado, que passa o tempo todo comendo, jogando ou lendo.



Note que as partes "isolado, que passa todo o tempo jogando ou lendo" são comuns aos dois esteriótipos.

Jogue "nerd" no Google Imagens e veja o que aparece. É impossível não pensar em um esteriótipo desses quando falamos sobre nerds, pois é o que vemos em filmes, séries, programas de tv, desenhos animados, etc.

Ou melhor, víamos. Agora, parece que isso mudou um pouco pois, como disse no começo, ser nerd está na moda.

Creio que o maior fator para que isso acontecesse foi o mercado de trabalho. Sim, pois todos começaram a ver que, por mais que eles tivessem zombado dos nerds, muitas vezes aquelas figuras anti-sociais acabaram sendo mais bem-sucedidas do que eles próprios.



Além disso, acho que o pessoal percebeu o quanto video games, quadrinhos, mangás e afins são legais.

De qualquer maneira, os nerds estão mais na mídia atualmente, e muitas coisas que víamos antigamente como "coisas de nerd" se tornaram atos normais no dia-a-dia da maioria das pessoas.

Quer um exemplo? Há um tempo atrás, passar muito tempo na internet, MSN, etc, era coisa de nerd. Hoje em dia, toda menininha fica na internet o dia inteiro vendo coisas sobre Crepúsculo, Cine, Restart ou qualquer outra coisa que esteja na moda atualmente.

...Não que isso seja bom...

Enfim, quer mais um exemplo? Video games. Antigamente, video games era coisa ou de criança ou de nerd. Na época do PlayStation e do Nintendo 64, até mesmo um pouco na época do PlayStation 2, video games ainda eram considerados coisas de gente desocupada, infantil, e, principalmente, nerd. Agora, video game é uma coisa muito normal, e, convenhamos, devemos isso à Nintendo e seu Wii, que mudaram um bastante o conceito de video games para o restante do mundo e abriram as portas para as pessoas conhecerem melhor toda essa indústria.



Uma coisa que nós, nerds, temos que concordar é que coisas como o Nintendo Wii ou séries de sucesso como The Big Bang Theory ajudaram muito a dismistificar aquela ideia de que o nerd é um ser anti-social e que vive isolado em seu próprio mundinho. Não estou dizendo que seja o melhor console do mundo ou a série de TV mais legal de todos os tempos, só que eles ajudaram a melhorar a imagem do nerd atual.

Acho que é válido lembrar também que existem vários tipos de nerds diferentes. Temos o CDF, que é aquele cara que vive estudando, mergulha de cabeça em livros e só tira 10 na escola, e é a essa figura que todos os outros tipos de nerds são imediatamente relacionados. Temos também os gamers, que são aqueles que adoram jogar video game, independente do console ou tipo de jogo. Há também os otakus (SIM, VOCÊ, OTAKU, TAMBÉM É UM NERD, E NÃO IMPORTA O QUE VOCÊ DIGA), que são aqueles que lêem mangás e assistem animes, e adoram praticamente tudo que venha do Japão. Outro tipo comum é o Geek, que é aquele que manja tudo sobre qualquer coisa relacionada a informática, e é gealmente a ele que todos recorrem quando dá um pau no computador. E não vamos esquecer dos viciados em HQ (que eu não sei bem o nome que esse grupo leva), que são aqueles que adoram ler quadrinhos, em sua maioria americanos, como Batman, Superman ou o Homem Aranha. Existe também uma categoria dos colecionadores, que são aqueles que colecionam qualquer tipo de bugiganga do mundo nerd, como toy arts, brinquedos, etc. E, é claro, o nerd clássico, que é aquele que curte tudo isso! Sim, pois muitas vezes a maioria desses "universos" está conectado de alguma forma.



Posso dizer que, exceto pelo CDF (tenho notas ruins na escola desde que me conheço por gente), já passei por todos os grupos, e agora estou me interessando mais por HQs. Era algo que eu não entendia lhufas, mas agora comecei a comprar algumas, como o Batman e os Novos Titãs, e vi que é muito legal.

De qualquer forma, podemos assumir que hoje em dia, os nerds ainda são vistos com bastante preconceito, mas boa parte disso já foi dismistificado e agora eles estão começando a serem mais bem-vistos pela sociedade. Mas ainda assim, existem pessoas que são nerds por natureza e simplesmente se escondem, ou negam isso até a morte, com medo de serem "excluídas" pelos amigos na escola ou não conseguirem mais arranjar uma namorada.

E se esse for seu caso, caro amigo nerd que está lendo isso agora, só te digo uma coisa: Assuma-se. Vista aquela sua camiseta com o Mario desenhado, leia seus quadrinhos, jogue seus video games e assista seus animes, e não se importe com o que os outros vão pensar de você. Garanto que será muito mais feliz assim, além de que será muito mais fácil encontrar pessoas com interesses semelhantes aos seus.

Bom pessoal, é isso por enquanto. Prometo que vou tentar trazer outro texto ainda esse final de semana, mas não posso garantir nada.

Ah, e aproveito para dizer que decidi montar enquetes semanais no site, e elas estão logo ali ao lado. Por favor, votem!

See ya!

16 comentários:

Hitsu disse...

Ótima matéria, realmente a visão dos nerds mudou muito ultimamente. Acho que nos EUA é pior, pelo menos é o que parece nos filmes. õ_o
Enfim, gostei. DX

Ishi disse...

Ótimo post. :3
Nem sabia que tinha tantos tipos de nerd assim D: uau.
É, acho que todos somos nerds mesmo.. xD

Hibari disse...

Hitsu que mandou eu comentar -q
E o Hitsu é nerdão 'fury'

Kimi disse...

Talvez eu seja nerd...mas acho que sou moderada...não sou otaku, nem cdf, mas procuro comprar mangás e acompanhar alguns animes, mas detesto muitas coisas do japão. cdf eu não sou, mas tbm quero estar com notas boas. Games? que nada, não entendo nada dessa joça XD.

Legal, gostei da matéria!

Crystal ~ disse...

É ISSAÍ MESMO, EU SOU NERD E KI SE FODA O MUNDO \ô/ QQ
Uso camiseta de Anime, digo pra todos os meus amigos ki sou Otaku (até praquelas menininhas frescas ki eu nem falo direito e sempre me olham como se eu fosse um ET g.g), ando de cosplay no Metrô/Trem, jogo Vídeo Gayme todos os dias e estou muito, mas muito feliz assim com meus hobbies! :D
Eu acho ki cada um tem a vida pra aproveitar do jeito ki acha melhor e, pra mim, nada me faz mais bem do ki as coisas ki eu gosto. <3

Blog do Pingua disse...

Excelente texto

nós nerds realmente ainda sofremos com certos tipos de preconceito
digo isso por que conheço muitos que são completos boçais, ouvem funk, acham que o que fazemos é imbecil ou ridículo eu nao ligo nem um pouco

Parabéns pelo texto...muito bom assim como o dos Beatles

e valeu por comentar lah

Diego disse...

Legal cara, o texto ficou dahora!

Só não concordo em uma coisinha...: Ser CDF não significa necessariamente ser nerd. CdF's são aplicados nos estudos, aprendem com facilidade e tiram boas notas, mas não necessariamente são nerds. Eu mesmo tenho uma galera que manda mto bem nos estudos, mas ninguém e nerd '-'

Mas dahora o texto mano =D

juliana disse...

Nerd pra mim é só mais um jeito que outros milhares de grupos acharam para se sentirem superiores por suas mediocridades (Y) Ser Nerd tbm é cultura e fazer oq? todo mundo tem um pouco de nerd, nem que seja fase \o\
Sou otaku e vivo estudando e nao vou parar só pq a fama de nerd cdf ainda persiste em mim 8D

juliana disse...

ah é! Muito bom o texto o/

Will disse...

Legal o texto!

continue postando mais e mais!

Osni disse...

Massa mesmo, cara! Acho que conseguiu descrever bem o Nerd hoje!

Giz disse...

Veja, eu não gosto desses tipos de rótulos. Eu mal sei me definir como pessoa, mal me entendo, vou saber me classificar? Eu faço a maioria das coisas que definem um "nerd" nas várias áreas e até mais. Coisas estranhas, por sinal.
O que eu quero dizer é que não concordo, desde o início com esses rótulos. Acho que o problema do preconceito está em simplesmente rotular alguém. Se uma pessoa diz não ter preconceito contra nerd e ora pergunta a alguém se ela o é está sendo hipócrita. Porém, falar abertamente sobre isso não é problema, obviamente... Mas isso não muda nada.
Ser nerd realmente hoje em dia deixou de ser underground e passou a ser mainstream. As pessoas debocham dessa ideia de ser nerd com muito bom humor e isso já é preconceito. Veja pela Rede Glóbulo de Televisão quando anuncia eventos de anime pelo Brasil... As reportagens são tão manipuladoras que fariam qualquer um rotular um otaku por louco e ridículo. É triste.

Porém, como eu sou minoria na minha opinião, desde que percebi isso já preferi fazer bom uso desse rótulo e apoiar essas discussões contra o preconceito.

É necessário uma mente aberta para saber respeitar as diferenças no mundo.

Pedrao disse...

Ieeh ieeh (mals ae, mas meu BlackBerry nao tem acentos acessiveis --')

Parabens Matt, mas tenho minhas duvidas... Sou um nerd por passar horas em frente o videogame jogando futebol?

Abraco a todos!

Pedrao disse...

Ieeh ieeh (mals ae, mas meu BlackBerry nao tem acentos acessiveis --')

Parabens Matt, mas tenho minhas duvidas... Sou um nerd por passar horas em frente o videogame jogando futebol?

Abraco a todos!

dê oliveira (: disse...

uau, eu to descobrindo um lado do matt que eu não conheçia pelo blog dele *-* nao tinha a menor idéia que vc era nerd, nem que existiam tantos tipos e etc, pra mim que literalmente sou totalmente leiga no assunto só existia um tipo de nerd :x mais nossa, matt é cultura AHUIEHEUIHEUIH mt bom o texto (: AH falando em toys. manda um ooi pro wood lindo *-* HSUHASIUHAS

Romulo disse...

Cara... Sou um nerd! Gosto de Anime, Mangá, HQ, Games e muita gente recorre a mim qdo precisa de algo relacionado a informatica! Ñ sou isolado na escola, pelo contrario, tenho muitos amigos e estou sempre enturmado... Mas as vezes tbm gosto de ficar no meu mundinho! xD